empreenderOlá Empreendedores,

Gostaria de compartilhar com vocês algumas percepções do cenário atual do nosso Brasil e por fim algumas dicas de negócio.

Hoje tivemos mais uma notícia nada agradável, fomos rebaixado pela Fitch, e isto reflete o crescente peso da dívida do governo do Brasil, o aumento dos desafios para a consolidação fiscal e a piora do cenário para o crescimento econômico. Este novo episódio retrata o cenário de crise econômica que vivemos no país, o que também impacta no comportamento dos brasileiros.

Atualmente pessoas que ficaram desempregadas e  pequenos empresários buscam se reestabelecer financeiramente e no mercado, e para isso existe uma tendência em desenvolver negócios através da Internet, onde tentam de todas as formas vender seus produtos e serviços explorando toda a criatividade.

Segundo dados do Sebrae, as micro e pequenas empresas são as principais geradoras de riqueza no Comércio no Brasil, já que respondem por 53,4% do PIB deste setor. No PIB da Indústria, a participação das micro e pequenas (22,5%) já se aproxima das médias empresas (24,5%). E no setor de Serviços, mais de um terço da produção nacional (36,3%) têm origem nos pequenos negócios. O que representa que nos últimos dez anos, a produção gerada pelos pequenos negócios saltaram de R$ 144 bilhões para R$ 599 bilhões.

Sabemos que o micro empreendedor muitas vezes é responsável por algumas áreas chaves de seu negócio e muitas vezes necessita aprender sobre: Gestão empresarial, Finanças, Noções de contabilidade, Modelo de negócios, Canvas, Vender seus produtos e ainda pensar como fazer o marketing do seu pequeno negócio.  Sem dúvida não é uma tarefa muito fácil!

O crescimento do pequeno empreendedor nos dias atuais está muito atrelado as necessidades de conseguir focar em suas atividades principais e aliar as estratégias que geram resultados rápidos e eficazes. Para você que se enquadra neste perfil, nós da Conexão de Valor, deixamos aqui dicas valiosas para otimização do seu negócio, lembrando-se que o foco e aumentar suas vendas. Então lá vai:

  • Faça um Canvas para ter os principais pilares do seu negócio, hoje na internet consegue encontrar diversos sites que poderá desenvolver seu Canvas de forma rápida e prática;
  • Tenha clareza de suas oportunidades, ameaças,  forças e fraquezas;
  • Busque parceiros, assim poderá crescer mais rápido e sólido com apoio de parceiros para entrega do seus produtos/serviços;
  • Busque conhecimento;
  • Em determinado momento do seu negócio se tornará imprescindível ter uma agência de marketing parceira, na qual esta preocupada em ajudar seu negócio a crescer;
  • Ter uma solução de gestão ERP, fará diferença na hora de gerenciar seu fluxo de caixa, entradas e saídas;
  • Tenha um bom contador para que lhe ajude nas diretrizes do seu negócio.

Com certeza a partir dessas dicas você conseguirá estruturar seu negócio e entender as lacunas que serão necessárias a preencher.

Ficou interessado neste tema? Quer saber mais como crescer nos tempos de crise, gastando menos e captando mais clientes?

Acesse nosso site e entre em contato com o nosso time para te ajudarmos e vender mais!

E para você que gostou do nosso post, aguarde, logo mais traremos mais dicas e novidades de negócio!